Página inicial ÁsiaTurquia Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul às praias do Egeu

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul às praias do Egeu

por Escolha Viajar
Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Montar um roteiro de viagem pela Turquia que seja enxuto é tarefa complicada. Por quê? Porque a Turquia é simplesmente sensacional, cheia de atrações imperdíveis espalhadas por um território que – apesar de não ter as dimensões continentais de Brasil ou Austrália – é bem extenso. Mas não é preciso arrancar os cabelos antes de comprar a passagem! É possível conhecer o melhor deste país dividido entre a Ásia e a Europa em um período normal de férias (entre 15 e 20 dias) e ainda economizar muito dinheiro com deslocamentos de ônibus.

⇒ ONDE SE HOSPEDAR NA TURQUIA e pagar barato
⇒ GUIA DE VIAGEM TURQUIA: Tudo que você precisa saber!

Dá para fazer um roteiro de viagem pela Turquia em menos tempo? Dá, mas você vai precisar gastar com passagens de avião e provavelmente voltará para o Brasil mais cansado do que foi. E para que tanta pressa? Se você passar 16 dias na Turquia, conseguirá visitar tudo o que há de belo e mais interessante desde Istambul até as praias do Mar Egeu sem correria. As empresas de ônibus turcas são muito boas, especialmente as linhas voltadas aos turistas, e, embora não seja possível antecipar passagens pela internet, é muito fácil ir até o guichê e comprar sua passagem.

Como os deslocamentos são longos, as viagens costumam ser noturnas, o que significa ainda mais economia com a diária de hotel. E, para que você não tenha que sair passeando direto depois de uma noite no ônibus, a sugestão de trajeto do Escolha Viajar inclui dias para recuperar o sono e estar sempre 100% para aproveitar a viagem. Você não tem 16 dias ou não se interessa em passar tanto tempo por lá? Não tem problema, seguindo até o dia 11 você já terá visto as principais e mais exóticas atrações do país. Monte seu roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias entre Istambul, Capadócia, Pamukkale, Ephesus, Bodrum e Oludeniz.

Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 1: Istambul

Primeiro dia de viagem pela Turquia, primeiro dia na fascinante Istambul, a cidade dividida entre o Ocidente e o Oriente, entre a Ásia e a Europa, entre o Islã e o Império Bizantino. Comece com um passeio pela Cisterna da Basílica, localizada logo ao lado da Hagia Sofia, no bairro turístico de Sultanahmet e onde você provavelmente estará hospedado. A cisterna abre todos os dias com ingressos a US$ 7. O horário de visitação é das 9h às 17h30 no período de inverno (novembro a março); e das 9h às 18h30 na temporada de verão (abril a outubro).

SEGURO VIAGEM com 5% de desconto
O Seguro Viagem é OBRIGATÓRIO para a maioria dos países da Europa e protege sua saúde no exterior. Faça aqui sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Use o código promocional: ESCOLHAVIAJAR5!

⇒ Reserve já seu hotel em Istambul e garanta os melhores preços! ⇐

Depois de se impressionar com as 336 colunas de mármore, cujos nove metros de altura são a base de sustentação do teto em forma de arcos, faça uma gostosa caminhada de cerca de 20 minutos até o milenar Grand Bazaar (atenção, ele fecha aos domingos!). Você com certeza perderá algumas horas percorrendo as centenas de bancas de todos os tipos de produtos turcos, desde os deliciosos doces até as coloridas lanternas típicas. Compre tudo o que quiser e, depois, volte para a Praça Sultanahmet para encerrar o dia fazendo um piquenique com vista para a Hagia Sofia e a Mesquita Azul.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 2: Istambul

Comece seu segundo dia em Istambul entrando na gigantesca fila para visitar a Hagia Sofia. Localizada no bairro turístico de Sultanahmet, bem em frente à Mesquita Azul, ela abre todos dos dias – menos segundas – com ingressos a US$ 14. O horário de visitação é das 9h às 17h de 25 de outubro a 15 de abril; e das 9h às 19h de 15 de abril a 25 de outubro. Depois de ficar boquiaberto com a antiga Basílica de Santa Sofia, que foi durante quase mil anos o maior templo cristão do mundo, faça uma pausa para almoçar em qualquer um dos deliciosos restaurantes típicos do bairro.

Se puder, procure um com terraço, assim você poderá avistar a basílica e a Mesquita Azul do alto. À tarde, visite o Palácio Topkapi, que fica atrás da Hagia Sofia. Hoje museu, ele abriga diversas salas com exposições de relíquias religiosas, móveis, roupas, cerâmicas, pratarias e outros objetos de uso da antiga família real otomana. Mas o que torna o Topkapi uma atração imperdível é a sala do tesouro imperial e o harém. Ele abre todos os dias, menos nas terças, entre 9h e 16h45 (de 30 de outubro a 15 de abril) ou 9h e 18h45 (15 de aril a 30 de outubro). O ingresso custa US$ 14.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 3: Istambul

Dia de sair de Sultanahmet. Pegue o tram que passa pelo bairro (T1) e desça na estação Kabatas para conhecer o Palácio Dolmabahçe. Considerado um dos mais belos e luxuosos do mundo, ele foi erguido todo em estilo europeu e custou aos cofres turcos 35 toneladas de ouro. A visitação é das 9h às 16h, com exceção de segundas e quintas. Não e possível caminhar pelo seu interior livremente, sendo que todos os visitantes são levados em tours guiados que duram cerca de 45 minutos no prédio principal. Por isso, a fila de espera para entrar costuma ser longa. A entrada custa US$ 10.

Depois de conhecer o palácio, pegue o funicular Kabatas-Taksim (F1) e desembarque na principal praça da capital turca. Embora seja palco de grandes eventos políticos e protestos, não há muito o que ver por ali. Você pode seguir pela Avenida Istiklal, uma das principais vias de comércio da cidade, para apreciar as vitrines, fazer compras e curtir o burburinho dos pedestres cortados aqui e ali pela passagem de uma linha de bonde antigo. Quando cansar, entre na primeira estação de metrô/tram disponível e volte para Sultanahmet.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 4: Istambul/Goreme (Capadócia)

Comece seu último dia em Istambul visitando a Mesquita Azul e seus seis minaretes. Localizada no bairro turístico de Sultanahmet, logo em frente à Hagia Sofia, ela foi construída pelo Império Otomano nos anos 1600 para rivalizar com a imensidão da basílica. A visitação é gratuita, mas não pode ser feita no horário das cinco preces diárias dos muçulmanos. Também é preciso se vestir de forma adequada ao recinto: nada de roupas justas, curtas, decotadas ou sem manga. Mulheres precisam cobrir a cabeça.

Depois, pegue o tram de Sultanahmet até a estação Karaköy (T1) e caminhe algumas quadras pelo gostoso bairro de Galata até chegar à torre do mesmo nome. Construída pelos genoveses lá pelos idos de 1300, ela oferece do seu topo vistas deslumbrantes de Istambul, do Golden Horn e das inúmeras mesquitas da cidade do outro lado do Estreito de Bósforo. Na hora de voltar para Sultanahmet, faça parte do trajeto a pé, cruzando a ponte que separa os lados asiático e europeu de Istambul. Há espaço para pedestres e inúmeros vendedores pelo caminho. Uma vez do outro lado, basta pegar o tram novamente.

À noite, vá para a estação rodoviária, pois é hora de pegar o ônibus turístico que vai levar você até seu próximo destino na Turquia: a fascinante Capadócia. Como a distância até Goreme, a cidade base para conhecer a região, é de longos 700 quilômetros, a viagem de 10 horas é feita em coletivos leito. Eles partem de Istambul às 22h e só chegam ao destino cedinho pela manhã. Confira aqui a sugestão de hospedagem econômica na Capadócia do Escolha Viajar.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 5: Goreme (Capadócia)

Você deve chegar a Goreme por volta das 8h, sendo que a maioria dos hotéis busca seus hóspedes na parada de ônibus de Goreme. Dá tempo de tomar um café da manhã rápido e já embarcar no primeiro tour pela região – para garantir lugar, mande um e-mail para o local onde ficará hospedado e peça para que eles reservem o passeio. Há dois tours pela região que são considerados indispensáveis: o Green e o Red (o terceiro, o Blue, não tem grandes atrativos). Comece pelo primeiro, onde você vai visitar a Derinkuyu Underground City, uma cidade subterrânea usada como habitação e esconderijo pelos povos que já dominaram a região…

⇒ Reserve já seu hotel em Goreme e garanta os melhores preços! ⇐

… Fazer uma caminhada leve de uma hora pelo Ihlara Valley, onde monges costumavam meditar em centenas de cavernas escavadas nas rochas; conhecer o Selime Monastery, também construído dentro da pedra e onde é possível visitar uma grande igreja (na foto); além de paradas para fotos do panorama do Pigeon Valley e do Love Valley, ou Vale do Amor. Note que ele assim foi batizado por suas inusitadas formações rochosas em forma de pênis, hehe. O Green Tour inclui almoço e algumas visitas obrigatórias – determinadas pelo governo turco – a artesanias da região (tapeçaria, joalheria, cerâmica etc). O passeio termina por volta das 17h.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 6: Goreme (Capadócia)

Dia de acordar bem antes do amanhecer para fazer um dos passeios mais incríveis e surreais do mundo: sobrevoar a Capadócia de balão (confira aqui o passo a passo). Como o número de decolagens é limitado a 100 balões por dia, é bom reservar o seu com antecedência, principalmente se estiver viajando na alta temporada de férias na Europa (junho-agosto). Para isso, basta contatar seu hotel por e-mail e pedir a reserva antes da viagem, ou mesmo falar diretamente com uma agência local da qual você tenha boas referências.

Os passeios começam às 4h30 e incluem café da manhã, meia hora de sobrevoo sobre a paisagem lunar da Capadócia enquanto o sol nasce, e um brinde com champanhe no fim. Por volta das 8h você já estará de volta ao hotel e pode aproveitar para recuperar as horas de sono que com certeza não teve durante a noite. À tarde, sugerimos um passeio ‘light’ pela pequena Goreme, com tempo para apreciar as inúmeras lojas de artesanato e souvenires, assistir ao pôr do sol do alto da colina e jantar regado a vinho e comida turca em um dos inúmeros restaurantes locais.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 7: Goreme (Capadócia)

Reserve seu terceiro dia na Capadócia para fazer o segundo passeio indispensável pela região: o Red Tour. Com ele, você vai visitar o Goreme Open Air Museum, que trata-se de uma coleção de capelas e igrejas bizantinas cavadas nas rochas e decoradas com belíssimos afrescos; Pasabag, um dos melhores locais para observar as formações de ‘fairy chimneys’; o Uchisar Castle, que trata-se de uma rocha de quase 100 metros de altura onde foram escavadas inúmeras câmaras antes habitadas ou usadas como postos de observação…

… O Devrent Valley, onde formações rochosas lembram camelos, patos e o que mais sua imaginação desejar (na foto); e, por fim, as ‘Urgup 3 Beauties Fairy Chimneys’, mais uma formação de pedra tradicional da região, mas em um formato especial: as três pedras juntas lembram uma família reunida. Assim como o Green, o Red Tour inclui almoço e algumas visitas obrigatórias – determinadas pelo governo turco – a artesanias da região (tapeçaria, joalheria, cerâmica etc). O passeio termina por volta das 17h.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 8: Goreme (Capadócia)/Pamukkale

Reserve seu último dia na Capadócia para fazer um trekking pelo Vale do Amor, aquele mesmo que você viu do alto durante o Green Tour. Saindo do centro da cidade, são cerca de 20 minutos de caminhada até a entrada da trilha, perto do Uchisar Castle. O lugar não é muito bem sinalizado, então peça a alguém do seu hotel as indicações de como chegar. Uma vez dentro do vale, a trilha é fácil e não demora mais do que três horas para ser percorrida, embora o caminho pareça desaparecer no meio do mato algumas vezes. Mas, como trata-se do fundo de um vale, não há como se perder.

A trilha toda é circundada por formações rochosas muito interessantes, mas as pedras que lembram pênis gigantes ficam já perto do fim. Se o lugar é impressionante visto de cima, de baixo é imperdível! A trilha termina na rodovia que liga Çavusin a Goreme, bastanto seguir as placas de volta para a cidade. Depois, é só buscar suas coisas no hotel, fazer um pit stop para jantar e seguir para a rodoviária de Goreme, de onde deve pegar o coletivo que parte às 20h para sua próxima parada na Turquia. Pamukkale fica a 615 quilômetros de distância, e você só deve chegar lá cedo pela manhã. Confira aqui a sugestão de hospedagem econômica em Pamukkale do Escolha Viajar.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 9: Pamukkale

Se pegar o ônibus noturno de Goreme a Pamukkale, você deve chegar por volta das 6h. Muitos hotéis da minúscula cidade liberam a entrada dos hóspedes, desde que o quarto não esteja ocupado. Se for esse o caso, você pode descansar um pouco antes de sair para conhecer as atrações locais. Se não, deixe as coisas no estabelecimento e pode tomar o rumo dos famosos terraços de Pamukkale, já que eles abrem a partir das 6h mesmo (até as 18h30 de novembro a março, e das 6h às 0h de abril a outubro). O ingresso custa 25 liras turcas (US$ 8,5).

⇒ Reserve já seu hotel em Pamukkale e garanta os melhores preços! ⇐

Lugar mais visitado entre todas as atrações da Turquia, seu nome significa ‘Castelo de Algodão’ e não poderia ser mais adequado. Embora pareça uma montanha nevada, Pamukkale é, na verdade, uma grande e rara formação de rocha calcária. Para entrar em Pamukkale é preciso estar descalço, então considere levar uma sacola para os seus sapatos e algo para abrigar os pés caso seja inverno (como um saco plástico), pois a água que escorre morro abaixo estará congelante. O ingresso também dá direito a visitar as ruínas da cidade romana de Hierápolis, no mesmo local.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 10: Pamukkale/Selçuk (Ephesus)

Mais um dia de deslocamento em seu roteiro de viagem pela Turquia, desta vez de Pamukkale até Selçuk, onde ficam as ruínas grego-romanas de Ephesus e também a casa onde a Virgem Maria teria passado seus últimos anos de vida (na foto). Há pelo menos três horários de ônibus que percorrem os 188 quilômetros de distância entre as duas cidades, em uma viagem de cerca de três horas e meia. Como não há nada para fazer em Selçuk além de visitar o sítio e a casa, você pode aproveitar para dormir até mais tarde em Pamukkale e pegar apenas o coletivo da tarde. Confira aqui a sugestão de hospedagem econômica em Selçuk do Escolha Viajar.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 11: Selçuk (Ephesus)

Acorde cedo para aproveitar um dia inteiro de visita às fascinantes ruínas de Ephesus, ou ‘Efes’ em turco, uma das mais bem conservadas do mundo. Grande centro de comércio da Antiguidade devido à importância do seu porto, ela chegou a ser a segunda maior cidade do Império Romano, abrigando uma população de 250 mil pessoas. A grande estrela de Ephesus era o Templo de Ártemis, o maior da Antiguidade e uma das Sete Maravilhas do Mundo originais. Infelizmente, quase nada restou dele para ser visto, mas Ephesus está cheia de outras ruínas para admirar.

⇒ Reserve já seu hotel em Selçuk e garanta os melhores preços! ⇐

Os destaques são a Biblioteca de Celso (na foto) e um anfiteatro muito bem preservado. Para visitar as ruínas, você pode pegar uma baratíssima van para percorrer os quatro quilômetros que as separam dos centro de  Selçuk ou fechar com um motorista de táxi. Os taxistas cobram caro, mas incluem no ‘pacote’ a ida, a volta ao centro da cidade em horário combinado e o transporte até a casa da Virgem Maria – que fica na mesma estrada, mas é longe para ir a pé. Ephesus abre das 8h às 17h no inverno (novembro a março), e das 8h às 19h no verão (abril a outubro). A entrada custa US$ 14.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 12: Selçuk (Ephesus)/Bodrum

Em seu 12º dia de viagem, finalmente chegou a hora de conhecer e relaxar em algumas das populares praias turcas do Mar Egeu. O primeiro destino litorâneo do roteiro é o balneário de Bodrum, localizado a 175 quilômetros de Selçuk. Embora ainda desconhecida dos turistas brasileiros, esta cidade de 30 mil habitantes e ares de vila grega é muito popular entre europeus, que buscam os ares mais quentes e os preços mais agradáveis do litoral da Turquia.

Para chegar a Bodrum, basta pegar um ônibus desde Selçuk para percorrer as cerca de três horas e meia de viagem. Os horários são frequentes, mas note que não é um trajeto direto, sendo necessário uma parada em Söke para troca de coletivo. Se sair pela manhã, você chegará a Bodrum no início da tarde, a tempo de ajeitar suas coisas no hotel e encontrar uma ‘happy hour’ para curtir o fim da tarde à beira-mar. Confira aqui a sugestão de hospedagem econômica em Bodrum do Escolha Viajar.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 13: Bodrum

Embora seja um balneário, Bodrum é um lugar onde se curte mais o clima do que a praia propriamente dita. A cidade de hoje foi construída sobre as ruínas da antiga Halicarnasso, famosa por abrigar uma das Sete Maravilhas do Mundo originais: o Mausoléu de Halicarnasso. Mas quase nada restou dele para contar a história, já que foi destruído durante as Cruzadas e usado como material para o castelo que até hoje vigia a baía. Você pode visitar tanto o castelo como o sítio arqueológico do mausoléu – uma pequena área onde foram encontrados vestígios das fundações do túmulo.

⇒ Reserve já seu hotel em Bodrum e garanta os melhores preços! ⇐

Depois, aproveite o dia para curtir as dezenas de restaurantes e bares pé de areia – ou melhor, de pedrinhas -, caminhar sem pressa pelas ruas charmosas e ladeadas por construções brancas, namorar as vitrines das centenas de lojinhas e subir a colina dos moinhos para ter uma vista panorâmica da cidade branca encontrando o azul do Egeu. À noite, o jantar na beira da praia, com o castelo iluminado ao fundo, é a grande pedida. Se for adepto, aproveite para conhecer uma das famosas baladas de Bodrum, muito populares entre os turistas.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 14: Bodrum/Oludeniz

Há horários de ônibus frequentes que percorrem os 245 quilômetros entre Bodrum e Fethiye, a cidade que abriga sua próxima parada na Turquia: o balneário de Oludeniz. Basta escolher o seu coletivo e encarar as cerca de seis horas de viagem, mais o traslado até a beira-mar – para isso, basta pegar qualquer uma das vans que passam na avenida do lado de fora da rodoviária e onde esteja escrito Oludeniz.

Este é um dos balneários mais populares do Mar Egeu, não só pela famosa praia de ‘Blue Lagoon’, mas também pelos voos panorâmicos de paraglider sobre a baía e o belo Vale das Borboletas. A cidade é minúscula, cheia de restaurantes convidativos e lojinhas. Praticamente qualquer hotel fica a poucas quadras da praia. O lugar é muito popular entre britânicos, então não estranhe ver muitos preços cotados em libras. Confira aqui a sugestão de hospedagem econômica em Oludeniz do Escolha Viajar.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 15: Oludeniz

Acorde cedo para aproveitar o dia na belíssima praia de ‘Blue Lagoon’, a grande atração turística de Oludeniz. Ela fica dentro da reserva nacional Oludeniz Tabiat Park, a apenas 10 minutos de caminhada do balneário. É preciso pagar uma entrada de 6 liras (US$ 2), mas o preço é irrisório diante da beleza do lugar. O parque é uma península, sendo que a ‘lagoon’ é a praia da direita, que fica voltada para o continente.

⇒ Reserve já seu hotel em Oludeniz e garanta os melhores preços! ⇐

A água praticamente inerte é uma grande atração para famílias com crianças. Na ponta ou no lado esquerdo da península, o mar é cercado por montanhas e ilhas, formando um visual deslumbrante. O parque conta com restaurante, banheiros, chuveiros, vestiários e aluguel de cadeiras e guarda-sóis. Você pode passar o dia todo aqui sem se cansar da beleza e da vida mansa, hehe.

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar


Roteiro de viagem pela Turquia – Dia 16: Oludeniz

Último dia de viagem pela Turquia! Nada melhor do que relaxar à beira-mar e se preparar para voltar ao Brasil novinho em folha, não é mesmo? Escolha entre voltar à ‘Blue Lagoon’ ou apenar alugar uma espreguiçadeira na praia principal de Oludeniz, com pausas para banhos de mar e petiscos com cerveja nos barzinhos próximos. Os mais aventureiros podem arriscar um voo de paraglider sobre a baía.

Qualquer agência na rua ou seu próprio hotel vendem o passeio, que é muito popular na região (dizem que a vista lá de cima é deslumbrante). Depois de assistir a mais um pôr do sol na praia, feche seu roteiro de viagem com um último jantar regado à deliciosa culinária turca, no melhor restaurante que puder encontrar. E acabou, é hora de arrumar as malas para voltar ao Brasil sabendo que percorreu as melhores atrações deste país incrível!

Roteiro de viagem pela Turquia: 16 dias de Istambul ao Egeu

Foto: Ticiana Giehl e Marquinhos Pereira/Escolha Viajar

*** O Escolha Viajar esteve na Turquia em maio de 2015 ***

Posts relacionados

Deixe um comentário

36 comentários

Clau 7 de agosto de 2019 - 14:34

Oi Tici&Marquinhos,
É ótimo poder contar com pessoas como vcs que disponibilizam seus roteiros e dicas de viagens! De Bodrum, vcs recomendam voltar de ônibus para Istambul para retornar ao BR? A melhor maneira então é comprar passagem de ida e volta por Istambul mesmo?

Responder
Escolha Viajar 29 de agosto de 2019 - 13:08

Olá, Clau!
Se você vai voltar de Bodrum direto para o Brasil, o melhor é viajar de avião. Você vai voar do aeroporto internacional de Milas–Bodrum até Istambul e, de lá, fazer a conexão para o Brasil. É mais prático do que enfrentar um trajeto de cerca de 11 horas de ônibus e depois ainda ter que se deslocar da rodoviária até o aeroporto em Istambul.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
alessandra 6 de fevereiro de 2019 - 00:14

Olá, vc tem
o roteiro de continuaçao dessa viagem na grecia ?

Responder
Escolha Viajar 9 de fevereiro de 2019 - 16:30

Olá, Alessandra!
Temos sim: https://www.escolhaviajar.com/roteiro-de-viagem-pela-grecia/
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Carol Garcia 4 de fevereiro de 2019 - 15:01

Olá!!!!
Excelente roteiro!!!
Estamos planejando ir a Turquia ano que vem.
Vcs foram em maio, recomendam essa época?

Responder
Escolha Viajar 9 de fevereiro de 2019 - 16:31

Olá, Carol!
Recomendamos sim. Apesar de fazer um pouco de frio demais na Capadócia, os dias eram ensolarados e tudo estava verde e florido por ser primavera. Leve uma muda de roupa mais quente que não tem erro.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Fabiana 18 de janeiro de 2019 - 13:56

Olá, tudo bem? Estou planejando minha viagem para Turquia e também pretendo fazer alguns trechos de ônibus, dúvida de Istambul para Goreme o ônibus para em Goreme mesmo? E a saída de lá para Pamukkale também, chega já em Pamukkale? Ambos os trechos fez com a Metro? Obrigada!

Responder
Escolha Viajar 20 de janeiro de 2019 - 23:31

Olá, Fabiana!
O ônibus vai para Nevşehir, onde é feita a troca por uma van que segue até Göreme, que fica a 12 quilômetros de distância. Na rodoviária eles vendem o ticket direto para Göreme, mas no site talvez você tenha que comprar os dois trechos separados. Sim, o ônibus sai direto de Göreme e te deixa direto em Pamukkale (não me lembro se havia paradas no meio do caminho, mas com certeza esses são os destinos inicial e final da viagem). A primeira viagem com certeza fizemos pela Metro, o segundo não temos certeza, pois apenas pedimos a passagem na rodoviária de Göreme e escolhemos o horário. Mas acredito que tenha sido sim.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Ibi 29 de dezembro de 2018 - 13:20

Olá ,Ticiana e Marquinhos! Gostei tanto do roteiro de vocês que seguiremos ele (meu marido e eu) à risca no final de julho do ano que vem. =)
Tenho dúvidas sobre o deslocamento entre as cidades por ônibus… Vocês fizeram todos os trajetos de Metro Turizm ou caso tenham feito algum trajeto por outra companhia, qual seria? Li que Istambul-Goreme foram vocês mesmos que compraram a passagem. Os demais trechos também foram vocês? Compraram todos em Istambul ou algum trecho teve que ser comprado em outra cidade?

Muito obrigada!

Responder
Escolha Viajar 29 de dezembro de 2018 - 22:54

Olá, Ibi!
Os três principais trechos (Istambul-Goreme, Goreme-Pamukkale e Pamukkale-Ephesus) fizemos com a Metro, que opera nos maiores centros turísticos. Os trechos Ephesus-Bodrum e Bodrum-Fethiye foram com companhias locais menores, nem reparamos o nome. Todas as passagens foram compradas por nós mesmos e apenas Istambul-Goreme em Istambul, as demais, nas outras localidades. Não tem nenhum mistério, é só ir à rodoviária da cidade, perguntar os horários dos ônibus e escolher o que se encaixa melhor no roteiro de vocês. Fizemos isso em todas as cidades, assim que chegávamos, para garantir lugar no ônibus.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Giovanna Borges Bottino 20 de novembro de 2018 - 09:14

Oi, tudo bom?
Então o cupom de desconto para usar no segurospromo está vencido :/

Responder
Escolha Viajar 20 de novembro de 2018 - 16:21

Olá, Giovanna!
Acabei de simular uma compra e o cupom ESCOLHAVIAJAR5 funcionou normalmente.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Letícia 9 de novembro de 2018 - 12:08

Olá, Boa tarde!
Gostaria de saber qual o limite de malas e de peso de uma viagem de onibus na turquia?

Responder
Escolha Viajar 11 de novembro de 2018 - 18:29

Olá, Letícia!
Até onde sabemos, não existe nenhum limite para bagagem em viagens de ônibus, seja na Turquia ou em qualquer outro país.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Edna Neiva ribeiro 24 de setembro de 2018 - 14:59

Ola queridos, se Deus permitir estarei indo pra Istambul em dezembro agora e quero saber na questão da moeda de lá quaanto preciso levarnem mãos

Responder
Escolha Viajar 30 de setembro de 2018 - 20:51

Olá, Edna!
Este texto vai te ajudar a calcular quanto pode custar a sua viagem, aproximadamente: https://www.escolhaviajar.com/quanto-custa-viajar-para-turquia/
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Renata 5 de julho de 2018 - 12:21

Gostaria de aproveitar o seu roteiro. Você acha que é perigoso para uma mulher viajar sozinha pela Turquia?

Responder
Escolha Viajar 8 de julho de 2018 - 22:15

Olá, Renata!
A Turquia é um país super seguro e não vimos nada que possa indicar perigo para uma mulher viajar sozinha. Mas é sempre bom adotar medidas de segurança preventiva, que listamos neste texto: https://www.escolhaviajar.com/dicas-para-mulher-viajar-sozinha/.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Lilian Azevedo 18 de junho de 2018 - 17:25

Adorei o roteiro de vocês e como estou querendo organizar uma viagem à Turquia queria saber algumas coisas : nas cidades vocês pegaram guia para conhecê-las ? Eles falam inglês nesse lugar onde compra a passagem de ônibus ?

Responder
Escolha Viajar 23 de junho de 2018 - 19:29

Olá, Lilian!
Não, não contratamos nenhum guia, fizemos todos os passeios sozinhos. Sim, eles falam inglês nas rodoviárias.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Eduardo 14 de junho de 2018 - 12:43

Adorei as dicas e vou planejar minha viagem seguindo o roteiro de vcs. Pergunta: Vocês dormiram em Pamukkale e Selçuk?
Tem dicas de hostel nestas cidades?

Responder
Escolha Viajar 16 de junho de 2018 - 15:38

Olá, Eduardo!
Sim, dormimos nas duas cidades. Neste texto você vai encontrar todas as nossas hospedagens na Turquia: https://www.escolhaviajar.com/onde-ficar-na-turquia/.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Mariana 16 de março de 2018 - 20:30

Olá, vou com meu marido para Istambulem maio e estamos na dúvida se vale a pena pegar o ônibus noturno para ir para Capadócia. Gostaria de saber como é a viagem, é tranquila? O ônibus é confortável? Tenho lido que muitos ônibus não tem banheiro, mas eles fazem paradas? Por fim, vocês compraram a passagem com antecedência ou quando já estavam lá?

Responder
Escolha Viajar 17 de março de 2018 - 21:52

Olá, Mariana!
Nós viajamos com a empresa Metro e foi uma jornada muito confortável. O ônibus não tem banheiro, mas há algumas paradas exatamente para que os passageiros possam fazer isso. As cadeiras reclinam bem – embora não sejam do tipo leito – têm telas de TV individuais, há sinal de WiFi e é servido chá e café a bordo. Normalmente, não é preciso comprar passagens com antecedência, mas você pode fazer isso se quiser pelo site da Metro: https://www.metroturizm.com.tr/en/
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Rogerio Fernandes Motta 18 de março de 2018 - 20:23

Este percurso pode ser feito de avião, muito mais confortável. Eu me hospedei na Capadócia na cidade de Ürgüp. Os outros percursos também podem ser feitos de avião ( Pamukkale/Selçuk (Ephesus))!!!

Responder
Escolha Viajar 25 de março de 2018 - 13:13

Olá, Rogerio!
Sim, todos os trajetos podem ser feitos de avião, mas nossa ideia é sempre apresentar o roteiro mais econômico possível. Afinal, gastar menos é viajar mais. Além disso, achamos as viagens de ônibus bastante confortáveis.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Anne Streich 9 de junho de 2018 - 18:41

Boa noite, muito obrigada pelas informações!! Minha viagem será toda baseada no roteiro de vocês, rsrs, já li umas 20x! Tenho uma dúvida, quando tentei comprar a passagem de ônibus de Istambul pra Goreme pelos sites das companhias, não consegui entender nada pq a maioria está em turco. O único site que tem um pouco de ingles é o Metro mas mesmo assim não faço idéia de qual estação o ônibus parte, rsrs. Socorrooooo

Responder
Escolha Viajar 12 de junho de 2018 - 11:51

Olá, Anne!
Se não estiver segura sobre comprar via site, você pode chegar na cidade e perguntar ao seu hotel onde adquirir os tickets ou se eles fazem a compra para você (a maioria cobra uma taxa para isso). Ou, se tiver um tempo sobrando, pode ir até a estação central de ônibus de Istambul. Foi o que nós fizemos. É um pouco longe, mas dá para ir tranquilamente de metrô – a estação se chama Otogar e sai quase dentro do terminal – e comprar sua passagem pessoalmente no balcão. Os ônibus da Metro saem dessa mesma estação, que tem vários nomes – Büyük Otogar, Esenler Otogar etc. No site da Metro ela consta como Istambul-Bayrampasa, que é o nome do bairro onde está localizada.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Moacir Luiz GUSSO 6 de fevereiro de 2018 - 12:10

Precisamos saber se o roteiro acima encontra-se disponível nas agências de viagens., em caso positivo, nos informar quais. Por exemplo CVC?
Aguardamos resposta
Gratos

Responder
Escolha Viajar 10 de fevereiro de 2018 - 20:00

Olá, Moacir!
Esse roteiro foi montado por nós, que organizamos tudo sozinhos. Não temos como saber se alguma agência tem algum parecido.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Elton 2 de novembro de 2017 - 20:28

Ótimo roteiro !!! A Turquia é sensacional ! Me permita fazer algumas considerações para outros viajantes ….

Realmente funcionam essas viagens noturnas de ônibus pela Turquia. Não há nenhum luxo, mas é funcional.
No caso de quem vem da Grécia (Rhodes) e entra para a Turquia por Fethiye, este é um ótimo lugar para fazer de base. Fiquei 2 dias por lá, aluguei um carro fui até o vilarejo de Kalkan e Kas (Show de bola ) na volta passei por Saklıkent e cheguei a Oludeniz no meio da tarde. tudo no mesmo dia. É bastante corrido, mas vale demais a pena.

Para visitar Ephesus, considere ficar 1 dia em Kusadasi e se for subir à Istambul, Ismir ou Esmirna tem aeroporto.

Eu consideraria visitar o Cafe Pierre Lotti em Istambul, a vista do entroncamento do Bósforo, com o Chifre de ouro é magnifica.

Responder
Escolha Viajar 5 de novembro de 2017 - 09:06

Olá, Elton!
Obrigada por compartilhar sua experiência conosco.
Um abraço,
Tici&Marquinhos

Responder
Odete 24 de junho de 2017 - 05:02

Olá, adorei as dicas.
Queria saber como foi na chega a Grécia, vcs passaram pela imigração? Eles pediram algum tipo de documentação ou comprovantes?

Responder
Escolha Viajar 24 de junho de 2017 - 09:16

Olá, Odete. Sim, fizemos a imigração na fronteira da Turquia com a Grécia. Não nos pediram absolutamente nada, apenas o passaporte.

Responder
Ana Gameiro 24 de maio de 2017 - 08:41

Bom dia. Adorei o seu roteiro. Como regressou ao Brasil?

Responder
Escolha Viajar 24 de maio de 2017 - 12:23

Olá, Ana. Não voltamos ao Brasil, fomos de ferry para a Ilha de Rhodes, na Grécia.

Responder

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para melhorar sua experiência. E, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Saiba Mais